sábado, 26 de fevereiro de 2011

XEROX MANUAL

Ainda na onda etílica iniciada no último post, e fora da minha quase "zona de conforto" dos cartazes, eis aqui uma propaganda da Usina Londres, uma das melhores choperias de Londrina-PR. O objetivo era anunciar que, além do choop, o cliente agora teria a opção de saborear sua cervejinha na tradicional garrafa 600ml.

À primeira vista essa é uma arte que parece simples (e é!), mas tive um certo trabalhinho porque minha idéia original era colocar as fotos das garrafas comercializadas no local. Não encontrei nenhuma em qualidade boa nem no site da empresa que as produz (e não teria verba nem tempo pra um fotografo resolver a questã0), portanto tive que me virar e apelar praquelas idéias que surgem quase que por acidente, mas que láááá no fundo você sabe que não é...

Peguei a foto de uma garrafa e tentei transforma-la em estampa no photoshop, mas não ficou legal. Tentei outros efeitos destrutivos que também não deram em nada. Até que me veio o lance de natureza morta na cabeça. Bacana, porém (TEM SEMPRE UM PORÉM!!!), nunca segurei um pincel em minha vida! Seria eu, capaz de olhar pra um objeto e reproduzi-lo? A resposta é um sonoro NÃO, claro! A minha saída foi XEROCAR MANUALMENTE a garrafa. Explico: ao invés de olhar e reproduzir, desenhei POR CIMA da foto, só acompanhando as alterações de cores e sombras. Depois apaguei a imagem e o que sobrou foi o desenho. Fiz um processo parecido com a logo que virou rótulo.

Diagramei o texto separando as palavras por cores, tamanhos e linhas. No fundo, uma boa e velha textura envelhecida numa cor meio dourada cuidando pra deixar um degradê que fosse clareando da esquerda pra direita o lado inferior.

Acabou que uma propaganda que ia ficar com uma foto sem graça e comum acabou se tornando uma pintura me deixando muito mais satisfeito com o resultado. Gosto desses conceitos de pop art que colocam o descartável (produto de consumo) num nível de sagrado (arte). Voltei a utilizar essa técnica nos cartazes seguintes com a mesma alegria. Logo, logo pintam por aqui. Até lá!

Um comentário:

DEU NA TELHA! disse...

ficou bão ba garái!