quarta-feira, 25 de agosto de 2010

BECAUSE THE SKY IS BLUE

Buenas, parece que os Beatles for Sale gostaram do primeiro cartaz que fiz (post ALL YOU NEED IS) e resolveram pedir mais um, ueba! Ou, quem sabe, resolveram me dar outra chance pra ver se, dessa vez, eu acertaria a mão, hehe!

Preciso explicar de novo que tenho uma grande motivação pra fazer uma arte referente ao Fab Four? Não, né? Então comparei com o outro e pensei q, apesar do arco-íris de centro, o geral poderia ter mais cor. Então mãos à obra!

Repeti o arco-íris. Dessa vez ele não seria o centro da arte, e sim, um divisor de dimensão, circunstância, situação. Separaria a textura de papel velho utilizada no primeiro cartaz com um céu azul cheio de nuvens fofas (se alguém pensou em "Because" acertou o ângulo!).

Feito isso, coloquei a logo da Apple no centro de tudo com o nome da banda na frente dela. Atrás de tudo uma explosão de cores pra dar um arzinho psicodelicioso que tanto me agrada. Na minha cabeça isso era um "filtro de vida", o que tocasse ali, conheceria a mensagem beatle.

Então uma espécie de arrastão espérmico mutante rosada saí do papel rústico em direção a esse óvulo de maçã e, depois de atravessá-lo, sofre uma linda metamorfose e todos viram corações cheio de amor pra dar. Essa histórinha bonitinha é, definitivamente, a maluquice que mais gosto nessa arte.

De quebra, destruí uma foto dos Beatles e coloquei lá embaixo na forma de um malvado desenho azul. Reparem q o Ringo avista o arrastão espérmico mutante, o John conta pro Paul q faz uma cara de bobo e o George, pelo visto, já sabia.

Pra finalizar, infos em letras minúsculas e sem espaço entre elas. O que separa são cores e tamanhos de fonte.

Errr... eu já falei que gosto de Beatles, né?

sábado, 21 de agosto de 2010

QUEM ESPERA...

Apesar de ser o primeiro cartaz pro especial Barão Vermelho que apresento aqui no blog, na verdade, esse foi o segundo que saiu na vida real. Então pq catso não postei o de estréia? Simplesmente pela causa, motivo, razão e circunstância de que esta arte q vc vê agora foi desenvolvida UM ANO antes da primeira.

Explico: qdo nasceu o projeto, o Marcelo (batera da DetSet) comentou comigo de, quem sabe, fazer o poster. Me adiantei e fiz no dia seguinte. Acabou não rolando, mas deixei salvo no submundo dos arquivos escamosos.

Quando pensamos em Barão Vermelho qual é a primeira imagem q surge na cabeça? A banda? Ah, só se for pra vc, meu pequeno girino! Eu viajo diretamente pros tempos da Primeira Guerra Mundial e vislumbro uma de suas grandes estrelas: Manfred Albrecht Freiherr von Richthofen (1892-1918), às da aviação, vencedor de uns 80 combates aéreos e, por isso, o próprio Barão Vermelho.

Fui diretamente destruir uma imagem do triplano modelo Fokker DR1 utilizado pelo piloto, e deixei as informações do evento acompanhando sua inclinação. Fundo vermelho chapado (como não poderia deixar de ser) e ainda reproduzi o brasão alemão que estampa o avião na parte superior juntamente com guitarras (vermelhas, claro!) pra dar um tcham a mais.

Optei por não dar muito destaque pro nome da banda pelo fato do importante ser o tema do show (no caso Barão Vermelho). A banda DetSet faz shows com repertório variado e acredito ser mais adequado linkar o nome com essa situação.

Enfim, após doze meses, a banda pediu uma arte escamosa e falei q ela já estava pronta há tempos. Porém (TEM SEMPRE UM PORÉM!!!) na época, tinha dado um mega bug no meu pc e acabei fazendo outro cartaz enquanto não recuperava esse primeiro (q acabou virando segundo), ficou bacana também, mas essa é uma outra história pra um outro post. Até lá!